Enem 2018 – questões de biologia comentadas – parte 1

01) Para serem absorvidos pelas células do intestino humano, os lipídios ingeridos precisam ser primeiramente emulsificados. Nessa etapa da digestão, torna-se necessária a ação dos ácidos biliares, visto que os lipídios apresentam natureza apolar e são insolúveis em água.
Esses ácidos atuam no processo de modo a
A) hidrolisar os lipídios
B) agir como detergentes
C) tornar os lipídios anfifílicos
D) promover a secreção de lipases
E) estimular o trânsito intestinal de lipídios.

02) Corredores ecológicos visam mitigar os efeitos da fragmentação dos ecossistemas promovendo a ligação entre diferentes áreas, como o objetivo de proporcionar o deslocamento de animais, a dispersão de sementes e o aumento da cobertura vegetal. São instituídos com base em informações como estudos sobre o deslocamento de espécies, sua área de vida (área necessária para o suprimento de suas necessidades vitais e reprodutivas) e a distribuição de suas populações.
Disponível em: www.mma.gov.br. Acesso em: 30 nov. 2017 (adaptado)

Nessa estratégia, a recuperação da biodiversidade é efetiva porque
A) propicia o fluxo gênico.
B) intensifica o manejo de espécies.
C) amplia o processo de ocupação humana.
D) aumenta o número de indivíduos nas populações.
E) favorece a formação de ilhas de proteção integral.

03) No ciclo celular atuam moléculas reguladoras. Dentre elas, a proteína p53 é ativada em resposta a mutações no DNA, evitando a progressão do ciclo até que os danos sejam reparados, ou induzindo a célula à autodestruição.

ALBERTS, B. et. al. Fundamentos da biologia celular.Porto Alegre: Artmed, 2011 (adaptado)
A ausência dessa proteína poderá favorecer a
A) redução da síntese de DNA, acelerando o ciclo celular.
B) saída imediata do ciclo celular, antecipando a proteção do DNA.
C) ativação de outras proteínas reguladoras, induzindo a apoptose.
D) manutenção da estabilidade genética, favorecendo a longevidade.
E) proliferação celular exagerada, resultando na formação de um tumor.

04) Muitos primatas, incluindo nós humanos, possuem visão tricromática: têm três pigmentos visuais na retina sensíveis à luz de uma determinada faixa de comprimentos de onda. Informalmente, embora os pigmentos em si não possuam cor, estes são conhecidos como pigmentos “azul”, “verde” e “vermelho” e estão associados à cor que causa grande excitação (ativação). A sensação que temos ao observar um objeto colorido decorre da ativação relativa dos três pigmentos. Ou seja, se estimulássemos a retina com uma luz na faixa de 530 nm (retângulo I no gráfico), não excitaríamos o pigmento “azul”, o pigmento “verde” seria ativado ao máximo e o “vermelho” seria ativado aproximadamente 75%, e isso nos daria a sensação de ver uma cor amarelada. Já uma luz na faixa de comprimento de onda de 600 nm (retângulo II) estimularia o pigmento “verde” um pouco e o “vermelho” em cerca de 75%, e isso nos daria a sensação de ver laranja-avermelhado. No entanto, há características genéticas presentes em alguns indivíduos, conhecidas coletivamente como Daltonismo, em que um ou mais pigmentos não funcionam perfeitamente.

Caso estimulássemos a retina de um indivíduo com essa característica, que não possuísse o pigmento conhecido como “verde”, com as luzes de 530 nm e 600 nm na mesma intensidade luminosa, esse indivíduo seria incapaz de A) identificar o comprimento de onda do amarelo, uma vez que não possui o pigmento verde.
B) ver o estímulo de comprimento de onda laranja, pois não haveria estimulação de um pigmento visual.
C) detectar ambos os comprimentos de onda, uma vez que a estimulação dos pigmentos estaria prejudicada.
D) visualizar o estímulo do comprimento de onda roxo, já que este se encontra na outra ponta do espectro.
E) distinguir os dois comprimentos de onda, pois ambos estimulam o pigmento “vermelho” na mesma intensidade.

05)  Insetos podem apresentar três tipos de desenvolvimento.
Um deles, a holometabolia (desenvolvimento completo), é constituído pelas fases de ovo, larva, pupa e adulto sexualmente maduro, que ocupam diversos habitats.
Os insetos com holometabolia pertencem às ordens mais numerosas em termos de espécies conhecidas.
Esse tipo de desenvolvimento está relacionado a um
A) proteção na fase de pupa, favorecendo a sobrevivência de adultos férteis.
B) produção de muitos ovos, larvas e pupas, aumentando o número de adultos.
C) exploração de diferentes nichos, evitando a competição entre as fases da vida.
D) ingestão de alimentos em todas as fases da vida, garantindo o surgimento do adulto.
E) utilização do mesmo alimento em todas as fases, otimizando a nutrição do organismo.

06) A polinização, que viabiliza o transporte do grão de pólen de uma planta até o estigma de outra, pode ser realizada biótica ou abioticamente. Nos processos abióticos, as plantas dependem de fatores como o vento e a água.

A estratégia evolutiva que resulta em polinização mais eficiente quando esta depende do vento é o (a)
A) diminuição do cálice.
B) alongamento do ovário.
C) intensificação da cor das pétalas.
D) disponibilização do néctar.
E) aumento do número de estames.

07) Um estudante relatou que o mapeamento do DNA da cevada foi quase todo concluído e seu código genético desvendado. Chamou a atenção para o número de genes que compõem esse código genético e que a semente da cevada, apesar de pequena, possui um genoma mais complexo que o humano, sendo boa parte desse código constituída de sequências repetidas. Nesse contexto, o conceito de código genético está abordado de forma equivocada.
Cientificamente esse conceito é definido como
A) trincas de nucleotídeos que codificam os aminoácidos.
B) localização de todos os genes encontrados em um genoma.
C) codificação de sequências repetidas presentes em um genoma.
D) conjunto de todos os RNAs mensageiros transcritos de um organismo.
E) todas as sequências de pares de bases presentes em um organismo.

RESOLUÇÃO:

01)  A bile atua como um detergente, transformando a gordura em pequenas bolinhas, de modo a facilitar a ação das lipases.
Resp.: B

02)  Como o próprio nome indica, os corredores ecológicos integram diferentes áreas, possibilitando que os organismos possam circular de uma área para outra, além de garantir um fluxo gênico entre duas populações de áreas diferentes.  
Resp.: A

03)  Na ausência da proteína p53, a célula prossegue a divisão celular, sem controle, levando ao surgimento de um tumor.
Resp.: E

04)  Na ausência do pigmento verde, percebe-se que o pigmento vermelho é estimulado em cerca de 75% quando na presença de comprimento de onda de 530nm e de 600 nm. Ou seja, os dois comprimentos de onda seriam detectados pelo pigmento vermelho e não seriam detectados pelo pigmento azul.
Resp.: E

05)  A larva, de um modo geral, tem um habitat diferente do adulto e, de um modo geral, tem hábito alimentar diferente do adulto. Dessa forma, com diferente nicho ecológico, o estágio larvar contribui para reduzir a competição entre as diferentes fases da vida.
Resp.: C

06)  Plantas com síndrome de polinização anemófila (polinizadas pelo vento) têm como uma de suas características a grande quantidade de grãos de pólen, os quais são produzidos nos estames.
Resp.: E

07)  O código genético é a relação entre os códons (trincas de bases nitrogenadas do DNA ou do RNA mensageiro) e os aminoácidos codificados por elas durante a tradução da informação genética.
Resp.: A

VEJA TAMBÉM:
Enem 2018 – questões de biologia resolvidas – parte 2

0 comments… add one

Leave a Comment