Copie a tag abaixo e cole-a entre as tags de todas as páginas do seu site

Pteridófitas – resumo para Enem e vestibulares

PTERIDÓFITAS

Representantes:
Samambaias, avencas, samambaiaçus, cavalinha, selaginela, licopódio, Azolla, salvínia, Marsilea

Fonte: https://dustinsfishtanks.com/

CARACTERÍSTICAS GERAIS

*  Plantas vasculares (1º grupo de traqueófitas) [ possibilitou crescimento dos indivíduos (eficiência de transporte de nutrientes, além de conferir sustentação);

* Plantas com raiz, caule e folhas;

* Folhas frequentemente divididas em folíolos (captação de luz difusa);

* Caule frequentemente subterrâneo (tipo rizoma [ crescimento horizontal ao solo);

* Esporófito é a fase dominante do ciclo de vida.

* Esporângios organizados em estruturas chamadas soros, distribuídos nos folíolos.

Características gerais:

  • Gametófito reduzido (e clorofilado), denominado protalo.

Fonte: https://irp-cdn.multiscreensite.com/

  • Habitat: terrestre(úmido) e dulcícola.
  • Primeiros registros fósseis: Período Carbonífero (± 360 milhões de anos). Responsáveis pela formação de reservas de carvão mineral, usado como combustível

REPRODUÇÃO:
Algumas pteridófitas reproduzem-se assexuadamente por fragmentação.
Reprodução sexuada(samambaia):

As samambaias são pteridófitas homosporadas (isosporadas) [ produzem um tipo de esporo.
A dispersão dos esporos é pelo vento.
No protalo (gametófito) há anterídeos (produção de anterozoides) e arquegônios (produção de oosfera). A fecundação é dependente da água.

Algumas pteridófitas são heterosporadas, isto é, produzem 2 tipos de esporos: o micrósporo (quando germina, dá origem ao gametófito masculino) e megásporo (quando germina, dá origem ao gametófito feminino).

IMPORTÂNCIA DAS PTERIDÓFITAS:

  • Ecológica (são organismos produtores);
  • Biorremediação –>  Pteris vittata (absorve arsênio do solo);
  • Ornamental (jardins, praças…)
  • Fertilização do solo (uso de Azolla em associação com Anabaena –> fixação de nitrogênio).
  • Uso na culinária (broto), comum em certas regiões de Minas Gerais e na Ásia.

Curiosidade:
Certos samambaiaçus conhecidos como xaxins foram intensamente explorados, durante muito tempo, para a produção de vasos para flores (os chamados xaxins), o que resultou em uma brusca redução das populações dessas pteridófitas.

Os atuais “xaxins” são feitas com fibras de coco (conhecida como coxim).

0 comments… add one

Leave a Comment