Resumo sobre transgênicos

TRANSGÊNICOS:

Termo transgênico: usado pela primeira vez na Califórnia, em 1983,  quando genes humanos para hormônio do crescimento foram inseridos em ratos, originando os “super ratos”.
Um organismo transgênico é aquele que recebeu gene(s) de uma outra espécie. São organismos geneticamente modificados (OGM’s).

Extraído de: https://cientistasfeministas.wordpress.com

Em decorrência do recebimento desse gene, um organismo transgênico passa a apresentar uma característica que ele não tinha antes.

A imagem a seguir mostra como se obtém uma planta transgênica.

Extraído de: https://cib.org.br/transgenicos/

A transgenia é uma evolução do melhoramento genético convencional, que permite transferir características de interesse (agronômico / nutricional / medicinal…) entre espécies diferentes, com o objetivos variados (maior valor nutricional, resistência a pragas…).

BENEFÍCIOS DOS TRANSGÊNICOS:
⇒ Obtenção de fármacos (ex.: insulina, hormônio do crescimento…)
⇒ Maior tolerância à seca e outras variações climáticas;
⇒ Aumento da produtividade de alimentos;
⇒ Maior tolerância a pragas;
⇒ Maior resistência a certos pesticidas (ex.: glifosato);
⇒ Redução do uso de pesticidas;
⇒ Preservação do meio ambiente (menos água para diluir os produtos e menos combustível para a aplicação);
⇒ Síntese de plástico biodegradável (uso de polímeros de soja e cana, com participação de bactérias).

PONDERAÇÕES AOS TRANSGÊNICOS: 
⇒ Transferência de um gene de resistência a certo pesticida a ervas daninhas;
⇒ Contaminação do mel;
⇒ Organismos transgênicos podem ser mais susceptíveis a outras pragas (ex.: soja e algodão transgênicos cultivados nos Estados Unidos mostraram-se mais susceptíveis a nematodos e ao fungo Fusarium)….

VEJA UMA QUESTÃO SOBRE TRANSGÊNICOS, PROPOSTA NO ENEM:
(Enem/2012) O milho transgênico é produzido a partir da manipulação do milho original, com a transferência, para este, de um gene de interesse retirado de outro organismo de espécie diferente.

A característica de interesse será manifestada em decorrência
A) do incremento do DNA a partir da duplicação do gene transferido.
B) da transcrição do RNA transportador a partir do gene transferido.
C) da expressão de proteínas sintetizadas a partir do DNA não hibridizado.
D) da síntese de carboidratos a partir da ativação do DNA do milho original.
E) da tradução do RNA mensageiro sintetizado a partir do DNA recombinante.

RESOLUÇÃO:
Para a nova característica se manifestar é necessário que o gene inserido (transgene) seja transcrito, originando um RNA mensageiro, e que esse RNA mensageiro sofra o processo de tradução, que ocorre nos ribossomos com a participação do RNA transportador.
Resp.: E

0 comments… add one

Leave a Comment