Questão resolvida sobre malária, da UFPA

(UFPA/2014) O mês de novembro marca a luta pelo controle da malária nas Américas. A data visa a incentivar os países das Américas a aumentar o diálogo e realizar campanhas contra a doença. A falta de informação sobre transmissão, diagnóstico e tratamento da malária é que ainda atrapalha o controle da doença, fazendo com que muitas pessoas acreditem que a malária pode ser transmitida pela ingestão de água, que chás e plantas medicinais podem curar e que se os sintomas da doença passarem a pessoa está curada.

Mitos e Crenças populares prejudicam o controle da Malária. Informações disponíveis em:
http://bertagna.wordpress.com/2011/11/page/3/. Acesso em: 11 set. 2014 (Texto Adaptado).

Para desmistificar as crendices do senso comum com relação a essa doença, as autoridades deveriam enfatizar que a doença é transmitida de uma pessoa para a outra apenas através da picada do mosquito anófeles quando o mesmo inocula nas pessoas os
A) esporozoitos.
B) merozoitos.
C) tripomastigotas.
D) amastigotas.
E) esporocistos.

RESOLUÇÃO:
A forma de contaminação clássica, por malária, se dá pela introdução de formas do protozoário chamadas esporozoítos, presentes no aparelho bucal do pernilongo.
No corpo humano, os esporozoítos invadem hepatócitos (células do fígado) onde reproduzem-se assexuadamente por esquizogonia, liberando trofozoítos. Estes invadem hemácias onde reproduzem-se, originando novos merozoítos e toxinas, levando aos acessos febris.
Resp.: A

Fonte: https://dvspalmas.wordpress.com/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *