Fuvest 2011 comentada

Confira resolução da prova da Fuvest 2011

01) A figura abaixo representa uma célula diploide e as células resultantes de sua divisão.

Nesse processo,
A) houve um único período de síntese de DNA, seguido de uma única divisão celular.
B) houve um único período de síntese de DNA, seguido de duas divisões celulares.
C) houve dois períodos de síntese de DNA, seguidos de duas divisões celulares.
D) não pode ter ocorrido permutação cromossômica.
E) a quantidade de DNA das células filhas permaneceu igual à da célula mãe.

02)  Os resultados de uma pesquisa realizada na USP revelam que a araucária, o pinheiro brasileiro, produz substâncias antioxidantes e fotoprotetoras. Uma das autoras do estudo considera que, possivelmente, essa característica esteja relacionada ao ambiente com intensa radiação UV em que a espécie surgiu há cerca de 200 milhões de anos. Com base na Teoria Sintética da Evolução, é correto afirmar que
A) essas substâncias surgiram para evitar que as plantas sofressem a ação danosa da radiação UV.
B) a radiação UV provocou mutações nas folhas da araucária, que passaram a produzir tais substâncias.
C) a radiação UV atuou como fator de seleção, de maneira que plantas sem tais substâncias eram mais suscetíveis à morte.
D) a exposição constante à radiação UV induziu os indivíduos de araucária a produzirem substâncias de defesa contra tal radiação.
E) a araucária é um exemplo típico da finalidade da evolução, que é a produção de indivíduos mais fortes e adaptados a qualquer ambiente.

03) Na evolução dos vegetais, o grão de pólen surgiu em plantas que correspondem, atualmente, ao grupo dos pinheiros. Isso significa que o grão de pólen surgiu antes
A) dos frutos e depois das flores.
B) das flores e depois dos frutos.
C) das sementes e depois das flores.
D) das sementes e antes dos frutos.
E) das flores e antes dos frutos.

04) Considere os filos de animais viventes e as seguintes características relacionadas à conquista do ambiente terrestre:
I. Transporte de gases feito exclusivamente pelo sistema respiratório, independente do sistema circulatório.
II. Respiração cutânea e pulmonar no mesmo indivíduo.
III. Ovos com casca calcárea resistente e porosa.
A sequência que reproduz corretamente a ordem evolutiva de surgimento de tais características é:
A) I, II e III.
B) II, I e III.
C) II, III e I.
D) III, I e II.
E) III, II e I.

05) Em 1910, cerca de 50 indivíduos de uma espécie de mamíferos foram introduzidos numa determinada região. O gráfico abaixo mostra quantos indivíduos dessa população foram registrados a cada ano, desde 1910 até 1950.

Esse gráfico mostra que,
A) desde 1910 até 1940, a taxa de natalidade superou a de mortalidade em todos os anos.
B) a partir de 1938, a queda do número de indivíduos foi devida à emigração.
C) no período de 1920 a 1930, o número de nascimentos mais o de imigrantes foi equivalente ao número de mortes mais o de emigrantes.
D) no período de 1935 a 1940, o número de nascimentos mais o de imigrantes superou o número de mortes mais o de emigrantes.
E) no período de 1910 a 1950, o número de nascimentos mais o de imigrantes superou o número de mortes mais o de emigrantes.

06) O quadro abaixo lista características que diferenciam os reinos dos fungos, das plantas e dos animais, quanto ao tipo e ao número de células e quanto à forma de nutrição de seus integrantes.

Com relação a essas características, os seres vivos que compõem o reino dos fungos estão indicados em:

07) Ao noticiar o desenvolvimento de mecanismos de prevenção contra a esquistossomose, um texto jornalístico trouxe a seguinte informação:
Proteína do parasita da doença “ensina” organismo a se defender dele.
Folha de S. Paulo, 06/08/2010.
Traduzindo a notícia em termos biológicos, é correto afirmar que uma proteína, presente
A) no platelminto causador da doença, ao ser introduzida no ser humano, estimula resposta imunológica que, depois, permite o reconhecimento do parasita no caso de uma infecção.
B) no platelminto causador da doença, serve de modelo para a produção de cópias de si mesma no corpo do hospedeiro que, então, passa a produzir defesa imunológica contra esse parasita.
C)  no molusco causador da doença, estimula a produção de anticorpos no ser humano, imunizando-o contra uma possível infecção pelo parasita.
D) no molusco causador da doença, atua como anticorpo, no ser humano, favorecendo a resposta imunológica contra o parasita.
E) no nematelminto causador da doença, pode ser utilizada na produção de uma vacina capaz de imunizar o ser humano contra infecções por esses organismos.

08)  Uma das extremidades de um tubo de vidro foi envolvida por uma membrana semipermeável e, em seu interior, foi colocada a solução A. Em seguida, mergulhou-se esse tubo num recipiente contendo a solução B, como mostra a Figura 1. Minutos depois, observou-se a elevação do nível da solução no interior do tubo de vidro (Figura 2).

O aumento do nível da solução no interior do tubo de vidro é equivalente
A) à desidratação de invertebrados aquáticos, quando em ambientes hipotônicos.
B) ao que acontece com as hemácias, quando colocadas em solução hipertônica.
C) ao processo de pinocitose, que resulta na entrada de material numa ameba.
D) ao processo de rompimento de células vegetais, quando em solução hipertônica.
E) ao que acontece com as células-guarda e resulta na abertura dos estômatos.

09) No heredograma abaixo, o símbolo    (quadradinho escuro)       representa um homem afetado por uma doença genética rara, causada por mutação num gene localizado no cromossomo X. Os demais indivíduos são clinicamente normais.

As probabilidades de os indivíduos 7, 12 e 13 serem portadores do alelo mutante são, respectivamente,
A) 0,5; 0,25 e 0,25.
B) 0,5; 0,25 e 0.
C) 1; 0,5 e 0,5.
D) 1; 0,5 e 0.
E) 0; 0 e 0.

10) A figura abaixo representa, em corte longitudinal, o coração de um sapo.

Comparando o coração de um sapo com o coração humano, pode-se afirmar que
A) não há diferenças significativas entre os dois quanto à estrutura das câmaras.
B) enquanto no sapo o sangue chega pelos átrios cardíacos, no coração humano o sangue chega pelos ventrículos.
C) ao contrário do que ocorre no sapo, no coração humano o sangue chega sempre pelo átrio direito.
D) ao contrário do que ocorre no sapo, nas câmaras do coração humano por onde passa sangue arterial não passa sangue venoso.
E) nos dois casos, o sangue venoso chega ao coração por dois vasos, um que se abre no átrio direito e o outro, no átrio esquerdo.

Resolução:
01)A questão envolve noções sobre meiose. Neste processo de divisão celular, há uma duplicação cromossômica (no período S da interfase) e duas divisões nucleares.
Resp.: B

02) As opções A, B e D são classicamente lamarquistas, deixando claro a ideia de que o indivíduo se modificou para adaptar ao meio.
Pela teoria sintética da evolução, a opção C mostra-se coerente; ocorrem mutações ao acaso (um dos fatores responsáveis pelo aumento da variabilidade genética), levando ao surgimento de indivíduos com novas características. Se tais características não diminuírem o valor adaptativo da espécie, será preservada e, possivelmente, transmitida aos descendentes.
No caso, os indivíduos portadores das referidas substâncias toleravam a radiação ultravioleta, enquanto que as plantas que não as possuíam eram mais vulneráveis à morte.
Resp.: C

03) Apesar de possuírem grão-de-pólen, as gimnospermas ainda não possuem flores (característica das angiospermas, tal como o fruto)
Assim, o grão de pólen surgiu antes das flores e dos frutos.
Resp.: E

04)
O item I refere-se à respiração traqueal, que ocorre em insetos e outros artrópodes.
O item II aparece aparece em anfíbios
O item III aparece em répteis.
Logo, a ordem evolutiva é I, II e III.
Resp.: A

05) A questão envolve ecologia de populações. A análise do gráfico revela que entre os anos de 1935 e 1940 a população cresceu muito, isto é, o número de indivíduos que chegou por nascimento ou por imigração foi muito superior àquele registrado por mortalidade ou por emigração.
Se Natalidade + imigração supera a mortalidade + emigração, a população cresce.
Resp.: D

06)  Os fungos são organismos eucarióticos, unicelulares (ex.: leveduras) ou pluricelulares (fungos filamentosos), exclusivamente heterótrofos, conseguindo alimento por absorção.
Resp.: C

07)  A esquistossomose é uma doença causada pelo platelminto Schistosoma mansoni, e tem um caramujo em seu ciclo de vida (elimina as opções C, D e E).
Essa proteína, ao ser introduzida na pessoa será reconhecida pelo sistema imunológico, que produzirá anticorpos contra ela, além de formar células de memória, que passam a produzir anticorpos de forma rápida e em grande quantidade sempre que a referida proteína reaparecer.
Resp.: A

08)  A questão é sobre osmose, que corresponde ao fluxo de solvente (água) do meio hipotônico para o meio hipertônico. Esse fenômeno também ocorre na abertura das células-guarda nos estômatos. Quando tais células ganham água, ocorre abertura do ostíolo, devido à pressão exercida pelo vacúolo de suco celular.
Resp.: E

09)  A questão aborda herança ligada ao sexo. É importante lembrar de que esse gene não está presente no cromossomo Y e que o pai transmite sempre o cromossomo X às filhas. Logo, os indivíduos 5, 6 e 7 serão portadoras desse gene, já que herdaram o cromossomo X (com o gene) do pai.
Isso significa dizer que a mulher 7 possui um cromossomo X com o gene mutante e um cromossomo X com o gene normal ( podemos afirmar isso uma vez que a doença é rara).
Assim, sua filha (12) pode receber o cromossomo com o gene mutante ou o cromossomo normal (50% de probabilidade). O indivíduo 13 recebeu o cromossomo com o gene normal, pois ele (13) é normal. Se tivesse recebido o gene mutante, seria afetado como seu avô; logo, a probabilidade nesse caso é zero.
Resp.: D

10)  Os sapos possuem coração com 3 cavidades (2 átrios e 1 ventrículo) com circulação dupla e incompleta. Já o ser humano tem coração com 4 cavidades (2 átrios e 2 ventrículos) e a circulação é dupla e completa, uma vez que não há mistura de sangue venoso com sangue arterial, como ocorre nos anfíbios.
Resp.: D

Veja também:
Prova comentada da Fuvest 2010

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *