Questão resolvida sobre transporte de água em plantas, da Unifor

(Unifor/2017-2) 

Foram necessários mais de 200 anos para que os biologistas vegetais explicassem satisfatoriamente o transporte da água em plantas. Tanto nos girassóis quanto nas gimnospermas mais altas, como a sequóia da costa (Sequoia sempervirens; figura acima), com seus mais de 110 metros de altura, a água é eficazmente transportada.
Considerando os mecanismos envolvidos no transporte de água e íons minerais nos vegetais, analise as afirmações a seguir:
I. O transporte do xilema é possível pelo bombeamento ativo, com gasto de energia, realizado pelas células vivas do caule, que empurram a seiva para cima.
II. O movimento da seiva é causado principalmente pelas raízes, no qual seus tecidos que exercem uma pressão (‘pressão de raiz’) que capta a água do solo e forçam a ascensão do líquido no xilema.
III. A transpiração – perda de vapor d’água nas folhas via estômatos – é o evento-chave para que ocorra o transporte de água no xilema.
IV. Ao invés de empurrar, as folhas puxam a seiva do xilema para cima auxiliadas pelas forças de tensão e de coesão da água.
Está correto apenas o que se afirma em
A) I e II.
B) I e III.
C) III e IV.
D) I, II e IV.
E) II, III e IV.

RESOLUÇÃO:
O transporte de água e minerais (seiva bruta) depende da transpiração, que ocorre pelos estômatos (nas folhas). Ao perder água para o meio (na forma de vapor), as células do parênquima foliar ficam hipertônicas em relação aos vasos do xilema que, então, perdem água para o parênquima foliar.
Dentro dos vasos do xilema, a coluna de água fica sob tensão e não se rompe graças às atrações intermoleculares (ligações de hidrogênio) existentes entre as moléculas de água.
Os itens III e IV estão corretos.
Resp.: C

VEJA TAMBÉM:
Questão resolvida sobre condução de seiva bruta, da UFRGS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *