IFPE 2017 – prova de biologia resolvida

Resolução das questões de Biologia do vestibular 2017 do IFPE

Considere o texto abaixo para responder à questão de número 01.
A aflatoxina é um tipo de micotoxina produzida principalmente pelos fungos Aspergillus flavus e Aspergillus parasiticus e desenvolve-se em milho, nozes, arroz, algodão, cevada, castanha-do-brasil e, sobretudo, em amendoim e seus derivados (como paçocas e pé de moleque), causando, dentre os danos mais graves: câncer no fígado, lesões no sistema nervoso e morte. Outras micotoxinas que causam problemas ao homem e a outros animais, como eczemas faciais em ovinos, são produzidas pelos fungos Giberella zeae e Pithomyces chartarum.

01) Certamente todos os fungos citados no texto pertencem a(o)
A) mesma família, mas não necessariamente à mesma ordem.
B) mesmo reino, mas não necessariamente à mesma classe.
C) mesma ordem, mas não necessariamente à mesma classe.
D) mesma classe, mas não necessariamente ao mesmo filo.
E) mesma espécie, mas não necessariamente ao mesmo gênero.

02)  Nos últimos 150 anos, é notável o aumento na média da altura humana. Acredita-se que a principal responsável pelo aumento dessa média é a boa nutrição. Nos atletas brasileiros, por exemplo, a média de altura dos jogadores do time principal de voleibol era de 1,87 m (em 1984); 1,97 m (em 2012) e 1,99 m (em 2016). Essa constatação demonstra que
A) ainda não paramos de evoluir e a abundância de nutrição gera mais energia para crescer.
B) somos dependentes do hormônio de crescimento que não existia no corpo dos atletas há 150 anos.
C) a massa muscular aumenta proporcionalmente à altura das pessoas.
D) a altura reduzida é um traço humano negativo, por isso propenso à extinção.
E) toda pessoa alta tem habilidade suficiente para se tornar jogador de voleibol.

Leia o texto abaixo  para responder à questão 03.
TEXTO
Os Jogos Olímpicos de 2016 ou Jogos da XXXI Olimpíada, comumente chamada de Rio 2016, foi um evento poliesportivo realizado no segundo semestre de 2016 (Olimpíada: 5 a 21 de agosto; Paraolimpíada: 7 a 18 de setembro) na cidade do Rio de Janeiro- RJ, no Brasil. O evento recebeu elogios, mas também foi alvo de críticas, dentre elas: a poluição da Baía de Guanabara, sobretudo pelo fato de se ter prometido, antes dos jogos, reduzir em 80% a sua poluição, compromisso firmado pelos governos federal, estadual e municipal.

03) A eutrofização da Baía de Guanabara, devido ao excesso de lixo, tem como consequência a(o)
A) aumento da concentração de oxigênio dissolvido na água (principalmente durante o período noturno).
B) redução da concentração de material em suspensão particulado de origem orgânica na água.
C) redução da zona eufótica e a alteração nas cadeias alimentares.
D) redução tanto da decomposição em geral quanto da emanação de odores indesejáveis.
E) aumento da capacidade de fornecer usos múltiplos pelo sistema aquático.

04) Uma das causas da infertilidade masculina é a teratospermia, uma alteração na morfologia dos espermatozoides que passam a ter a cabeça redonda, não havendo a formação do acrossomo, que é uma vesícula repleta de enzimas digestivas, localizada na cabeça do espermatozoide, sendo essencial à sua penetração no ovócito e à fertilização. A organela que produz o acrossomo é denominada
A) complexo de Golgi ou complexo golgiense.
B) mitocôndria.
C) retículo endoplasmático granuloso.
D) retículo endoplasmático liso.
E) peroxissomo.

05) A abelha é o animal mais famoso pela capacidade de polinização, que é o transporte de pólen de uma flor para a outra, o que permite que as flores sejam fecundadas e que os frutos e sementes se desenvolvam. A determinação do sexo das abelhas, bem como dos outros insetos da Ordem Hymenoptera (formigas, vespas) é denominado haplodiploide e caracteriza-se por
A) todas as fêmeas férteis e todos os machos homogaméticos.
B) todos os machos férteis e todas as fêmeas estéreis.
C) todos os machos possuirem apenas cromossomos de origem paterna e todas as fêmeas possuírem apenas cromossomos de origem materna.
D) todas as operárias serem resultantes da partenogênese e todas as rainhas não serem resultantes desse processo.
E) todos os machos haploides e todas as fêmeas diploides.

 

RESOLUÇÃO:
01) No texto há menção de 4 espécies de fungos (Aspergillus flavus , Aspergillus parasiticus, Giberella zeae e Pithomyces chartarum). Pode-se afirmar, com base no texto, que são organismos integrantes do mesmo Reino (Fungi), mas, não se pode afirmar a qual Classe pertencem.
Resp.: B

02) Por exclusão, letra A. O enunciado não informa se há variação na frequência alélica, o que caracterizaria a evolução.
Uma melhor nutrição poderá fornecer maior diversidade de nutrientes, dentre eles, com função energética (a divisão celular tem elevado gasto energético).
Resp.: A

03) Com a eutrofização ocorre uma redução da zona eufótica, isto é, da profundidade do mar em que a luz chega. Isso é decorrente do aumento da proliferação de algas planctônicas, que reduzem a penetração de luz na água.
Resp.: C

04) O acrossomo é uma pequena vesícula presente na cabeça do espermatozoide, em cujo interior encontra-se a enzima hialuronidase (responsável pela ruptura da camada de células da corona radiata, que envolvem o ovócito). O acrossomo é formado a partir do complexo golgiense.
Resp.: A

05) Nos insetos citados na questão, os machos surgem por partenogênese, isto é, do desenvolvimento do óvulo sem que ocorra a fecundação. Dessa forma, todos os machos são haploides (contêm cromossomos exclusivamente maternos), enquanto as fêmeas são diploides.
Resp.: E

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.