UESB 2017 resolvida

UESB 2017 – confira resolução da prova de biologia

01) As sementes de guaraná, planta originaria da Amazônia, podem impedir a proliferação de células cancerosas, que apresentam elevada taxa de tradução para o seu próprio citoplasma e o desenvolvimento de tumores, de acordo com pesquisas da Universidade de São Paulo. Camundongos alimentados com essa planta tiveram diminuição de 54% na quantidade de células cancerosas associadas a um tipo de câncer de mama chamado tumor de Ehrlich, o que retardou a progressão da doença e aumentou significatimente a sobrevida dos animais.
Entre as diversas características que podem ser observadas nas células do tumor de Ehrlich, destaca-se
01) ausência de ribossomos em seu citoplasma.
02) presença de um Golgi bem desenvolvido.
03) a presença de um citosol basófilo.
04) um complexo juncional, desmossomos e interdigitações, bem desenvolvido.
05) um citoesqueleto organizado que dificilmente se despolimeriza.

02) Há insetos por todos os lados, de todas as cores, por cima e por baixo.
Há milhões, bilhões, zilhões. Todos eles tão estranhos, diferentes de mim e de você.
Há insetos de todas as formas, de tantos tamanhos, por dentro e por fora.
Há milhões, bilhões, zilhões. Todos eles tão estranhos, diferentes de mim e de você.
Tem uma formiga dentro do açucareiro.
E uma barata que não sai do meu banheiro.
Deu cupim na minha porta.
Uma mosca no meu lixo.
Um mosquito me incomoda.
Ah, meu Deus, é tanto bicho!
Há insetos por todos os lados, de todas as cores, por cima e por baixo.
Há milhões, bilhões, zilhões. Todos eles tão estranhos, diferentes de mim e de você.
Há insetos de todas as formas, de tantos tamanhos, por dentro e por fora.
Há milhões, bilhões, zilhões. Todos eles tão estranhos, diferentes de mim e de você.
Tem um gafanhoto repousando no jardim.
E uma borboleta pousou em cima de mim.
Uma joaninha dança.
Quase que não dá para ver.
Cuidado com essa abelha.
Está bem atrás de você.
(Chaps Mel)
Com toda licença poética, analisando-se a letra da música Insetos, de Chaps Mel, sobre esses animais, é possível afirmar que
01) fazem parte de qualquer nível trófico de um ecossistema, por isso são encontrados em todos os lados.
02) não apresentam nenhuma característica em comum com os seres humanos.
03) são dotados de simetria bilateral, são triblásticos, acelomados e protostomados.
04) apresentam uma respiração traqueal, sem a participação do sistema circulatório para o transporte dos gases.
05) interagem com os seres humanos apenas de maneira desarmônica.

03)

Fazendo-se uma análise biológica da imagem ilustrada e levando-se em consideração os aspectos ecológicos, fisiológicos e sistemáticos, é correto afirmar:
01) A alelobiose observada é intraespecífica, desarmônica e classificada como herbivoria.
02) Os organismos observados são dotados de células com os mesmos compartimentos citoplasmáticos.
03) O organismo predado faz parte do primeiro nível trófico de qualquer cadeia alimentar, é a base de toda pirâmide ecológica e possui tecido aclorofilado na superfície do seu órgão destacado.
04) A estrutura predada, típica de uma eudicotiledônea, é imprescindível para a fixação do gás carbônico, com o objetivo de liberar oxigênio para o meio.
05) O invertebrado observado é triblástico, enterocelomado, protostomado e com sistema digestório completo.

04) A síntese proteica depende dos genes presentes no DNA de cada célula e de todo um aparato enzimático necessário para a transcrição e tradução. No processo de diferenciação celular de crescimento e diferenciação, hormônios, neurotransmissores e fatores da matriz extracelular podem induzir uma cascata de sinais intracelulares que alteram a expressão gênica da célula.
Isso é controlado por fatores de transcrição que ativam ou reprimem diferentes genes. Assim, após esse processo, um hepatócito expressará genes diferentes daqueles expressos em um neurônio. A transcrição depende de enzimas que produzirão o RNA mensageiro a partir do DNA. O RNA mensageiro migrará através do complexo de poros nucleares para o citoplasma, onde ocorrerá a síntese proteica.
A partir das informações do texto e com os conhecimentos adquiridos sobre o tema, é correto afirmar:
01) A tradução que ocorre no citoplasma depende da interação dos RNAs que foram transcritos no núcleo com o ribossomos que são os mesmos encontrados em procariontes e eucariontes.
02) Em uma molécula de RNAm, todos os seus códons representam aminoácidos específicos.
03) A união dos peptídeos no sítio P do ribossomo ocorre por desidratação, na fase de elongação.
04) A interação códon-anticódon ocorre a partir de ligações interatômicas, como as ligações de hidrogênio.
05) O RNAm, RNAr e RNAt dos vírus interagem com seus próprios ribossomos.

05) Lactoferrina é o nome de uma proteína encontrada no leite bovino e de diversos outros mamíferos, incluindo o humano. Ela desempenha múltiplas funções no organismo, mediando, desde o transporte de ferro até a defesa inata contra microrganismos invasores. Testes in vitro demonstraram que essa proteína é capaz de inibir, em até 80%, tanto a infecção do vírus zika quanto a do vírus chikungunya.
Os pesquisadores observaram que esse forte bloqueio se deve à ação da proteína tanto sobre a ligação dos vírus à superfície da célula hospedeira quanto sobre a replicação do material genético viral. Além disso, demonstraram que, mesmo na concentração de maior atividade antiviral, a molécula não resultou em efeitos colaterais tóxicos para as células testadas.
O efeito inibitório dual da lactoferrina sugere que os vírus zika e chikungunya compartilham etapas comuns em seus ciclos de replicação nas células hospedeiras, que podem ser utilizadas como alvos em futuras terapias antivirais.
(CARVALHO 2016).
Após a análise das informações contidas no texto e com os conhecimentos sobre o tema, é correto afirmar:
01) A lactoferrina é facilmente absorvida no intestino delgado, sem necessidade de uma hidrólise prévia.
02) A ação da lactoferrina envolve células de defesa diferenciadas na medula óssea e no timo.
03) O vírus da zika é um adenovírus de senso positivo que necessita do metabolismo da célula hospedeira para se replicar.
04) Os vírus da zika e da chikungunya têm em comum o vetor e a molécula gênica onde se encontra inserida sua informação genética.
05) A interação do vírus com a célula hospedeira ocorre de maneira inespecífica e limitada por ação lactoferrina.

06) A solubilidade baixa do O2 na água (e, portanto, no sangue) representa um problema para os animais que dependem do sistema circulatório para transportá-lo. Por exemplo, uma pessoa necessita de quase 2 litros de O2 por minuto, durante um exercício intenso.
Todo esse O2 deve ser transportado no sangue, dos pulmões para os tecidos em atividades.
Na verdade, os animais transportam a maior parte do seu O2 ligado a proteínas chamadas de pigmentos respiratórios, que podem ser encontrados no sangue e também na hemolinfa e, muitas vezes, no interior de células especializadas. Nos vertebrados e em muitos invertebrados, esse pigmento é a hemoglobina. Nos vertebrados, a hemoglobina é encontrada no interior dos eritrócitos e possui quatro subunidades, cada qual com um cofator denominado de heme, o qual tem um átomo de ferro no centro. Cada átomo de ferro se liga a um O2, de modo que cada molécula de hemoglobina pode transportar quatro moléculas de O2, reversivelmente. Esse processo é intensificado pela cooperação entre as subunidades da hemoglobina.
Em relação à dinâmica do transporte do oxigênio na dependência do sistema circulatório e com os conhecimentos acerca do tema, é correto afirmar:
01) A interação do primeiro oxigênio com a molécula da hemoglobina dificulta a interação com os demais.
02) A formação da oxi-hemoglobina ocorre nos alvéolos pulmonares e é destituída, invariavelmente, totalmente nos tecidos.
03) A hemolinfa dos insetos é imprescindível para atender à demanda de oxigênio pelos tecidos desse animal.
04) Quanto mais intensa for a atividade aeróbica de um tecido, maior será a dissociação da oxi-hemoglobina nesse local.
05) Não havendo ferro para a construção da hemoglobina, ainda sim, o oxigênio poderá chegar, sem déficit, aos tecidos dissociado no plasma sanguíneo.

07) O albinismo é uma característica recessiva em que o portador do genótipo para esse fenótipo é desprovido da capacidade de sintetizar melanina.
Supondo-se que um casal normal para o albinismo pretenda ter quatro filhos, a possibilidade de dois serem normais e um albino, dos três restantes, é de
01) 9/8
02) 3/8
03) 9/64
04) 27/64
05) 27/256

08)

Em relação à secreção gástrica citada no quadro e com os conhecimentos sobre o tema, é correto afirmar:
01) Seu pH deve-se ao HCl, que é prontamente secretado das células parietais do estômago.
02) Sua liberação prescinde da presença de hormônios parácrinos que atuam no próprio estômago.
03) Sua ação viabiliza a transformação química da proteína em oligopetídeos, que serão absorvidos no próprio local de sua gênese.
04) A liberação desse suco potencializa a digestão química das proteínas por ação do pepsinogênio.
05) Ele é imprescindível para a quimificação e viabiliza a primeira digestão química que os polipeptídios sofrem.

09) O holocausto do oxigênio foi uma crise de poluição mundial que ocorreu por volta de 2.000 milhões de anos atrás. Antes dessa época, praticamente, não havia oxigênio na atmosfera terrestre. A biosfera original da Terra era tão diferente da atual como a de um planeta estranho. Mas micróbios fotossintetizantes purpúreos e verdes, ávidos por hidrogênio, descobriram a maior fonte desses elementos, água, e o seu uso produziu um resíduo altamente tóxico, o oxigênio. O nosso preciosíssimo oxigênio era um gás venenoso lançado na atmosfera. (MARGULIS; SAGAN. 2016)
A partir das informações contidas no texto e com os conhecimentos sobre o tema, é correto afirmar:
01) Com a primeira fotossíntese, já foi possível tornar a atmosfera rica em oxigênio.
02) Os primeiros fotossintetizantes eram dotados de cloroplastos.
03) A crise foi desencadeada pela demanda incessante por hidrogênio para a síntese do alimento.
04) Para minimizar essa crise, surgiu aleatoriamente a fotossíntese, que utilizava o hidrogênio do sulfeto de hidrogênio.
05) A liberação do oxigênio ocorreu de maneira instantânea depois da origem da fotossíntese.

10) 

O gráfico destacado representa o crescimento de uma população que se desenvolveu em uma região em um determinado tempo.
A partir das informações contidas no gráfico e com os conhecimento sobre o assunto, é correto afirmar:
01) Predatismo, competição e parasitismo podem limitar a expressão do potencial biótico de uma população.
02) O potencial biótico é limitado apenas por fatores abióticos.
03) O crescimento exponencial ilustrado pela curva do potencial biótico representa a realidade de todos os ecossistemas.
04) Para que uma população possa ter seu crescimento real, a adaptação é prescindível e primordial.
05) O ambiente tem a capacidade de mudar o indivíduo para que as populações possam se adaptar a ele e não correr o risco de extinção.

Resolução:
01) Como as células do referido tumor apresentam elevada taxa de tradução para o seu próprio citoplasma, deduz-se que tais células são portadoras de grande quantidade de ribossomos livres no citosol. Como os ribossomos são formados por ácido ribonucleico, o citoplasma dessas células possuem citoplasma com afinidade por corantes básicos (citosol basófilo).
Resp.: 03

02) Os insetos são organismos protostômios, triblásticos,  celomados, com simetria bilateral, com sistema circulatório aberto e respiração traqueal. No caso da respiração desses animais, o sangue (chamado hemolinfa) não transporta gases respiratórios. As trocas gasosas ocorrem diretamente entre as ramificações das traqueias e as células.
Resp.: 04

03) A figura mostra um caramujo alimentando-se de folhas de certa planta. Trata-se de uma relação ecológica interespecífica, negativa, chamada herbivoria. As células dos dois organismos não apresentam os mesmos compartimentos internos (ex.: nas células da planta há cloroplastídeos, inexistentes no caramujo). O organismo predado é uma eudicotiledônea e, na superfície de suas folhas, encontra-se a epiderme, um tecido aclorofilado. As folhas são ricas em tecido de assimilação e, portanto, são os principais órgãos responsáveis pela fixação de gás carbônico, com o objetivo de produzir alimento para o indivíduo.
O caramujo é um invertebrado triblástico, celomado (esquizocelomado) e com simetria bilateral.
Resp.: 03

04) Os ribossomos encontrados nos procariotos são bioquimicamente diferentes daqueles encontrados em eucariotos.
Numa molécula de RNA há códons que não codificam aminoácidos (conhecidos por trinca stop).
A formação da cadeia polipeptídica ocorre no sítio P do ribossomo; quando um aminoácido se liga a outro (ligação peptídica) ocorre liberação de uma molécula de água (desidratação).
A ligação entre códon e anticódon é por ligação de hidrogênio, uma força de atração intermolecular.
Os vírus não possuem ribossomos.
Resp.: 03

05) Como se trata de uma molécula proteica, a lactoferrina sofre hidrólise no intestino humano e os aminoácidos que a compõem são absorvidos.
Na medula e no timo são diferenciadas células sanguíneas (leucócitos), que não são afetadas pelos vírus citados.
O zika vírus possui RNA como material genético (adenovírus são vírus de DNA).
Tanto o vírus ZIKA como o vírus CHIKV são vírus de RNA e têm o mesmo inseto como vetor (como curiosidade, um estudo da Universidade do Colorado revelou que o mosquito Aedes aegypti pode transmitir o vírus da Zika, da Chicungunha e dengue em uma mesma picada).
A interação do vírus com a célula hospedeira ocorre de maneira específica, envolvendo reconhecimento molecular.
Resp.: 04

06) A dissociação do oxigênio da hemoglobina depende de alguns fatores, sendo o pH um dos fatores. Em uma situação de atividade aeróbica intensa, ocorre maior liberação de CO2, o que reduz o pH. Com menor pH ocorre uma maior liberação do O2 ligado à hemoglobina.
Resp.: 04

07) Primeiramente é preciso admitir que o casal seja heterozigoto (Aa x Aa) para que haja possibilidade de sair um descendente albino.
Considerando um casal heterozigoto, tem-se:
P(normal)= 3/4
P (albino) = 1/4 (genótipo de cor laranja)
É preciso descobrir de quantas maneiras diferentes o casal pode ter 3 crianças, sendo 2 normais e 1 albina.
As possibilidades são 3:
Normal    Normal    Albina
Normal    Albina      Normal
Albina     Normal     Normal
Portanto, a probabilidade desse casal ter 3 crianças (sendo 2 normais e 1 albina) é:
P = 3 x ¾ (normal) x ¾ (normal) x ¼ (albina) = 27/64
Resp.: 04

08) A acidez do suco gástrico é imprescindível à ação da enzima pepsina (tem atividade ótima em pH próximo de 2,0), que atua sobre polipeptídeos transformando-os em unidades menores (oligopeptídeos). Esse processo químico que ocorre no estômago recebe o nome de quimificação.
Resp.: 05

09) Uma leitura atenta do enunciado leva à resposta da questão (Mas micróbios fotossintetizantes purpúreos e verdes, ávidos por hidrogênio…). Esses micro-organismos utilizavam de compostos ricos com hidrogênio (ex.: H2S) para produção de compostos orgânicos (alimento).
Resp.: 03

10) Um organismo não consegue crescer de acordo com seu potencial biótico devido à existência de fatores abióticos (disponibilidade de luz, teor de O2, clima…) e a fatores bióticos (competição, predatismo, parasitismo…).
Resp.: 01

Veja também:
Prova comentada da UFRGS 2017

0 thoughts on “UESB 2017 resolvida

  • 7 de fevereiro de 2018 em 21:46
    Permalink

    porque a opcao 1, da questao 8 esta incorreta?

    Resposta
    • 10 de fevereiro de 2018 em 14:48
      Permalink

      Obrigado pelo contato, Tarcísio. O item deixa dúvida (o que ele quer dizer em prontamente eliminado). A célula parietal enfrenta uma diferença enorme de concentração de H+ com o lúmen estomacal (muito mais ácido). Dessa forma, a secreção de HCl pelas células parietais depende de muito ATP liberado pelas células parietais, com ação da enzima hidrogênio/potássio ATPase.

      Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *