Questão resolvida envolvendo aquecimento global e reprodução em tartarugas, da UFRJ

(UFRJ) As tartarugas marinhas da espécie Lepidochelys kempi são animais promíscuos, ou seja, fêmeas e machos acasalam-se com mais de um indivíduo. O gráfico a seguir mostra a proporção anual de fêmeas nas ninhadas de Lepidochelys kempi nascidas em uma estação de conservação no México no período de 1982 a 1988. A partir de 1985, a temperatura dos ninhos foi gradativamente elevada pelos pesquisadores até que, em 1988, foi 3ºC maior do que em 1984.

A) Por que o aumento de temperatura favorece o aumento do número de indivíduos da espécie?

B) O superaquecimento global consequente da queima de combustíveis fósseis e do desmatamento, embora inicialmente favorável, poderá levar a Lepidochelys kempi à extinção em algumas décadas. Por quê?

RESOLUÇÃO:
A) Com o aumento da temperatura ocorre aumento no número de fêmeas e, consequentemente, aumento no número de ovos. Mesmo com a redução do número de ovos, a taxa de fecundação continua elevada devido ao comportamento promíscuo da espécie.

B) Sim. Se o aquecimento persistir por algumas décadas, não haverá mais nascimento de machos e, portanto, não haverá mais fecundação.

VEJA TAMBÉM:
Questão resolvida sobre determinação sexual em répteis, da UFRGS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.