Questão resolvida sobre determinação sexual em répteis, da UFRGS

(UFRGS) Em certas espécies de répteis, a temperatura de incubação do ovo durante certo período do desenvolvimento é o fator determinante na proporção sexual.
O gráfico abaixo refere-se à proporção sexual dependente da temperatura observada em três espécies de répteis.

Com base nos dados apresentados no gráfico, considere as afirmações abaixo.
I – Para a espécie número 1, temperaturas entre 28°C e 30°C darão origem a indivíduos de somente um dos sexos.
II – Para a espécie número 3, uma variação de temperatura de apenas 1°C pode transformar uma maioria de fêmeas em maioria de machos.
III – Para a espécie número 2, os ovos geram machos em temperaturas frias e fêmeas em temperaturas quentes.
Quais estão corretas?
A) Apenas I.
B) Apenas II.
C) Apenas III.
D) Apenas I e II.
E) I, II e III.

RESOLUÇÃO:
I) Falso. Entre 28 e até próximo de 29ºC ocorre redução da produção de machos.
II) Verdadeiro. É o que ocorre entre 31ºC e 32ºC.
III) Falsa. Há um predomínio de machos em temperaturas mais baixas e um predomínio de fêmeas para ovos incubados em temperaturas mais altas.
Resp.: B

VEJA TAMBÉM:
Questão resolvida sobre répteis, da UEMS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *