Unesp 2017-2 prova discursiva resolvida

01) Muitas das proteínas que são secretadas pelas células passam por organelas citoplasmáticas antes de serem enviadas para o meio exterior. Esta via de secreção inicia-se com o gene, contendo exons e introns, que é transcrito no pré-RNAm. Este, por sua vez, sofre modificações químicas em um processo denominado splicing, até se transformar no RNAm, que é transportado até o retículo endoplasmático granular (REG), onde ocorre a tradução por ribossomos. A proteína formada é então destinada à organela X e, a partir desta, é empacotada e enviada para fora da célula. A figura mostra as etapas desde a transcrição do gene até a secreção da proteína por meio da via descrita.

Referindo-se aos exons e introns, explique por que nem sempre é possível afirmar que a sequência de aminoácidos em uma proteína corresponde integralmente à sequência de nucleotídeos do gene transcrito. Como é denominada a organela X? Por que a proteína sintetizada deve passar pela organela X antes de ser enviada ao meio exterior?

02) O teste de tolerância à glicose (GTT) consiste em jejum de 12 horas, ao final do qual o paciente ingere uma carga excessiva de glicose em dose proporcional ao peso corpóreo. Ao mesmo tempo, obtém-se uma amostra de sangue para a determinação da glicemia inicial. A seguir, são coletadas amostras sucessivas, a cada 30 minutos, para a determinação da glicemia. Dessa forma, obtém-se, ao longo do tempo, uma curva da variação da glicemia. O gráfico mostra as curvas do GTT de três indivíduos: um normal, outro com rápida absorção intestinal de carboidratos e outro portador de doença hepática. Esta doença não afeta a produção normal dos hormônios que controlam a glicemia, mas provoca lentidão no funcionamento dos mecanismos de controle da glicemia pelo fígado.

Qual é o hormônio responsável pela redução da glicemia durante o GTT e qual dos três indivíduos apresentou maior liberação desse hormônio durante o teste? Como as células do corpo reagem sob a ação desse hormônio? Que mecanismo de controle da glicemia foi afetado no fígado do doente e que causa lenta redução da glicose sanguínea ao longo do tempo?

03) Em uma ilha isolada, havia uma população de roedores cuja cor da pelagem era determinada pelos alelos A e a. O alelo dominante determinava pelagem escura e o alelo recessivo determinava pelagem clara. A proporção genotípica para cada 100 indivíduos era de 50 homozigotos recessivos, 30 homozigotos dominantes e 20 heterozigotos. Um terremoto local separou a ilha em duas porções de terra, uma maior e outra menor, e cada uma ficou com a metade da população inicial de roedores, sem que houvesse fluxo de animais entre as porções. Casualmente, na porção menor, não havia roedores de pelagem clara e as condições ambientais mudaram drasticamente. Uma geração depois, nasceram inúmeros roedores de pelagem clara nessa ilha. Após décadas, biólogos constataram que a população da ilha menor constituía uma nova espécie.

Qual a frequência do alelo recessivo na população da ilha antes do terremoto? Por que, uma geração depois, nasceram inúmeros roedores de pelagem clara na ilha menor? Explique como a seleção natural contribuiu para a formação da nova espécie de roedores na ilha menor.

RESOLUÇÃO:
01) Porque o RNA mensageiro utilizado na tradução pode ser menor que o RNA primário formado, devido à remoção dos íntrons.
A organela X corresponde ao complexo golgiense.
A proteína sintetizada deve passar pela organela X antes de ser enviada porque é nessa organela que ocorre o processamento e o empacotamento da proteína, que será liberada dentro de vesículas.

02) O hormônio responsável pela redução da glicemia é a insulina. O indivíduo com rápida absorção intestinal de carboidratos apresentou maior liberação de insulina durante o teste.
A insulina aumenta a permeabilidade da membrana plasmática à glicose; dessa forma, a insulina facilita a entrada de glicose nas células.
O mecanismo de controle da glicemia que foi afetado no fígado é a glicogênese (produção  de glicogênio pelos hepatócitos).

03)
Calculando a frequência do alelo recessivo:
Total de indivíduos: 100 ⇒ 200 alelos.
Como havia 50 indivíduos homozigotos recessivos, havia um total de 100 alelos recessivos e mais 20 alelos a dos 20 indivíduos heterozigotos (Aa).
f(a)  = 120/200 ⇒ f(a) = 0,60

O nascimento de indivíduos de pelagem branca na ilha menor é decorrente do cruzamento entre indivíduos heterozigotos (Aa x Aa).

Com o isolamento geográfico, a seleção natural atuou de forma diferencial nas duas ilhas, favorecendo a sobrevivência de indivíduos com conjuntos gênicos diferentes favorecendo, assim, o isolamento reprodutivo.

VEJA TAMBÉM:
Unesp 2018 prova discursiva resolvida

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *