Enem 2020 PPL – resolução das questões de biologia – parte 2

RESOLUÇÃO DAS QUESTÕES DE BIOLOGIA DO ENEM 2020 PPL – PARTE 2

06) Devido à sua ampla incidência e aos seus efeitos debilitantes, a malária é a doença que mais contribui para o sofrimento da população humana da Região Amazônica. Além de reduzir os esforços das pessoas para desenvolverem seus recursos econômicos, capacidade produtiva e melhorarem suas condições de vida, prejudica a saúde da população e o desenvolvimento socioeconômico da região.

RENAULT, C. S. et al. Epidemiologia da malária no município de Belém – Pará.
Revista Paraense de Medicina, n. 3, jul.-set. 2007 (adaptado).

Essa doença constitui um sério problema socioeconômico para a região citada porque provoca
A) alterações neurológicas, que causam crises epilépticas, tornando o doente incapacitado para o trabalho.
B) diarreias agudas e explosivas, que fazem com que o doente fique vários dias impossibilitado de trabalhar.
C) febres constantes e intermitentes associadas à fadiga e dores de cabeça, que afastam o doente de suas atividades.
D) imunossupressão, que impossibilita o doente de entrar em contato com outras pessoas sem o uso de máscaras e luvas.
E) infecção viral contagiosa, que faz com que o doente precise de isolamento para evitar transmissão para outras pessoas.

07) Os impactos ambientais das usinas hidrelétricas são motivo de polêmica nas discussões sobre desenvolvimento sustentável. Embora usualmente relacionadas ao conceito de “energia limpa” ou associadas à ideia de “sustentabilidade”, essas usinas podem causar vários problemas ambientais. Destaca-se a proliferação de determinadas espécies aquáticas em relação a outras, ocasionando a perda de diversidade das comunidades de peixes (ictiofauna) do local.

Disponível em: http://ciencia.hsw.com.br. Acesso em: 25 mar. 2013 (adaptado).

Em um primeiro momento, as mudanças na composição dessas comunidades devem-se
A) às alterações nos hábitats causadas pela construção das barragens.
B) à poluição das águas por substâncias liberadas no funcionamento da usina.
C) ao aumento da concentração de CO2 na água produzido pelo represamento do rio.
D) às emissões de gases de efeito estufa pela decomposição da matéria orgânica submersa.
E) aos impactos nas margens da barragem em função da pressão exercida pela água represada.

08) Uma atividade que vem crescendo e tem se tornado uma fonte de renda para muitas pessoas é o recolhimento das embalagens feitas com alumínio. No Brasil, atualmente, mais de 95% dessas embalagens são recicladas para fabricação de outras novas.

Disponível em: http://abal.org.br. Acesso em: 11 mar. 2013.

O interesse das fábricas de embalagens no uso desse material reciclável ocorre porque o(a)
A) reciclagem resolve o problema de desemprego da população local.
B) produção de embalagens a partir de outras já usadas é mais fácil e rápida.
C) alumínio das embalagens feitas de material reciclado é de melhor qualidade.
D) compra de matéria-prima para confecção de embalagens de alumínio não será mais necessária.
E) custo com a compra de matéria-prima para a produção de embalagens de alumínio é reduzido.

09) O descarte inadequado do lixo é um problema que necessita ser solucionado urgentemente. Segundo o Ministério do Meio Ambiente, apenas 25% dos municípios brasileiros dispõem adequadamente seus resíduos. Para regulamentar essa questão, o Projeto de Lei 4 162/2019, que institui o marco regulatório do saneamento básico, estabeleceu um prazo até agosto de 2024 para que todos os lixões existentes no Brasil sejam transformados em aterros sanitários, entre outras providências.

Disponível em: www.gov.br/casacivil. Acesso em: 5 out. 2020 (adaptado).

A medida apontada no texto é necessária porque
A) a poluição causada pelos aterros sanitários é reduzida pela impermeabilização do solo e tratamento do chorume.
B) a criação dos aterros sanitários viabilizará o reaproveitamento da matéria orgânica descartada no lixo.
C) a construção dos lixões envolve um custo mais elevado do que a manutenção dos aterros sanitários.
D) nos lixões não há a possibilidade de separação de material para reaproveitamento e reciclagem.
E) as áreas dos lixões desativados poderão ser imediatamente usadas para plantação.

10) As plantas, em sua fase de crescimento, necessitam de grande quantidade de carbono, sequestrado pela fotossíntese, para a produção de biomassa.
O sequestro de carbono pelas plantas é aumentado
A) reciclando papel.
B) mantendo intactas as florestas nativas.
C) fazendo o replantio das áreas degradadas.
D) evitando a queima de madeira e de áreas de floresta.
E) substituindo a madeira de bens duráveis por materiais alternativos.

RESOLUÇÃO:
06)
A malária é uma doença causada por protozoário e transmitida ao homem pela picada do mosquito prego. Como sintomas característicos da doença, tem-se a ocorrência de ataques febris em intervalos de tempo razoavelmente bem definidos (dependendo da espécie do plasmódio), associadas a dores de cabeça.
Resp.: C

07) A construção da hidrelétrica provoca a destruição de uma grande quantidade de habitats, o que provoca a eliminação de muitas espécies nativas e, consequentemente, favorece a instalação de outras espécies, de modo a alterar a composição das comunidades locais.
Resp.: A

08) A grande vantagem da reciclagem de embalagens usadas é a redução da quantidade de matéria-prima para a produção de novas embalagens.
Resp.: E

09) Nos aterros sanitários o solo é impermeabilizado, de modo que o chorume não atinje o lençol freático. Esse chorume é coletado e passa por um tratamento químico.
Resp.: A

10) O aumento na retirada de CO2 da atmosfera é favorecido pelo aumento na quantidade de plantas, ou seja, pelo replantio de áreas degradadas.
Resp.: C

VEJA TAMBÉM:
Enem 2020 PPL – resolução das questões de biologia – parte 1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *