Questão resolvida sobre anexo embrionário âmnio, da UnirG

(UnirG/2021 – Prova Matriz para Medicina) Bebê com tumor raro passa por três cirurgias em 28 dias e está bem: “lutou muito para viver”diz a mãe
Teratoma epignato afeta um em cada 200 mil nascimentos. O tumor impede a passagem de ar e, quando nascem, as crianças não conseguem
respirar. Em mais de 80% dos casos, morrem logo depois de nascer… A partir da décima sexta semana de gestação, o líquido amniótico é composto em 90% da urina do bebê. Numa gravidez normal, o bebê urina e engole esse líquido o tempo todo. No caso dessa bebê, o tumor impedia que ela bebesse o líquido, que só se acumulava, porque ela continuava fazendo xixi, já que o bebê recebe alimentação pelo cordão umbilical. O acúmulo de líquido aumentava demais a barriga da mãe e crescia também o risco de parto prematuro.
(ADAPTADO)
Disponível em g1.globo.com/fantástico.30/05/2021. Acesso em 16/06/2021.
Baseado no contexto acima e nos seus conhecimentos sobre anexos embrionários, podemos afirmar que o ÂMNIO tem a função de
A) realização de trocas gasosas.
B) proteção contra choques mecânicos.
C) armazenamento de excretas.
D) armazenamento dos alimentos.

RESOLUÇÃO:
De origem ectodérmica-mesodérmica, o âmnio é uma membrana que reveste o embrião, delimitando a cavidade amniótica, em cujo interior encontra-se o líquido amniótico que, dentre outras funções, protege o bebê contra choques mecânicos. Por ser rico em água, que apresenta elevado calor específico, o líquido amniótico também auxilia na estabilização da temperatura.
Resp.: B

VEJA TAMBÉM:
Questões comentadas sobre anexos embrionários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.