Enem 2020 – questões de biologia resolvidas – parte 1

01) A enorme quantidade de resíduos gerados pelo consumo crescente da sociedade traz para a humanidade uma preocupação socioambiental, em especial pela quantidade de lixo produzido. Além da reciclagem e do reúso, pode-se melhorar ainda mais a qualidade de vida, substituindo polímeros convencionais por polímeros biodegradáveis.

Esses polímeros têm grandes vantagens socioambientais em relação aos convencionais porque

A) não são tóxicos.
B) não precisam ser reciclados.
C) não causam poluição ambiental quando descartados.
D) são degradados em um tempo bastante menor que os convencionais.
E) apresentam propriedades mecânicas semelhantes aos convencionais.

02) Uma população encontra-se em equilíbrio genético quanto ao sistema ABO, em que 25% dos indivíduos pertencem ao grupo O e 16%, ao grupo A homozigotos. Considerando que: p = frequência de IA; q = frequência de IB; e r = frequência de i, espera-se encontrar:

A porcentagem de doadores compatíveis para alguém do grupo B nessa população deve ser de
A) 11%
B) 19%
C) 26%
D) 36%
E) 60%

03) A fragmentação dos hábitats é caracterizada pela formação de ilhas da paisagem original, circundadas por áreas transformadas. Esse tipo de interferência no ambiente ameaça a biodiversidade. Imagine que uma população de onças foi isolada em uma mata pequena.
Elas se extinguiriam mesmo sem terem sido abatidas.
Diversos componentes da ilha de hábitat, como o tamanho, a heterogeneidade, o seu entorno, a sua conectividade e o efeito de borda são determinantes para a persistência ou não das espécies originais.

Uma medida que auxilia na conservação da biodiversidade nas ilhas mencionadas no texto compreende a
A) formação de micro-hábitats.
B) ampliação do efeito de borda.
C) construção de corredores ecológicos.
D) promoção da sucessão ecológica.
E) introdução de novas espécies de animais e vegetais.

04) Grandes reservatórios de óleo leve de melhor qualidade e que produz petróleo mais fino foram descobertos no litoral brasileiro numa camada denominada pré-sal, formada há 150 milhões de anos.
A utilização desse recurso energético acarreta para o ambiente um desequilíbrio no ciclo do
A) nitrogênio, devido à nitrificação ambiental transformando amônia em nitrito.
B) nitrogênio, devido ao aumento dos compostos nitrogenados no ambiente terrestre.
C) carbono, devido ao aumento dos carbonatos dissolvidos no ambiente marinho.
D) carbono, devido à liberação das cadeias carbônicas aprisionadas abaixo dos sedimentos.
E) fósforo, devido à liberação dos fosfatos acumulados no ambiente marinho.

05) Uma população (momento A) sofre isolamento em duas subpopulações (momento B) por um fator de isolamento (I). Passado um tempo, essas subpopulações apresentam características fenotípicas e genotípicas que as distinguem (momento C), representadas na figura pelas tonalidades de cor. O posterior desaparecimento do fator de isolamento I pode levar, no momento D, às situações D1 e D2.

A representação indica que, no momento D, na situação
A) D1 ocorre um novo fator de isolamento geográfico.
B) D1 existe uma única população distribuída em gradiente.
C) D1 ocorrem duas populações separadas por isolamento reprodutivo.
D) D2 coexistem duas populações com características fenotípicas distintas.
E) D2 foram preservadas as mesmas características fenotípicas da população original A.

RESOLUÇÃO:

01) Os polímeros biodegradáveis são aqueles que sofrem um processo de decomposição em curto intervalo de tempo (algumas semanas ou meses); assim, não permanecem no ambiente por muito tempo.
Resp.: D

02) Os possíveis doadores para o grupo B são os indivíduos do grupo B (IBIB e IBi) e do grupo o (ii).
Inicialmente, é preciso calcular a frequência de cada um desses tipos sanguíneos na população.
Sabe-se que 25% dos indivíduos população pertencem ao grupo O (ii).
Como f (ii) = r2, tem-se:
r2 = 0,25  –>   r = 0,5

Como f(IAIA) = 0,16 (16% dos indivíduos pertencem ao grupo A e são homozigotos) e f(A) = p, tem-se que f(IAIA) = p2 = 0,16  –>   p = 0,4

A soma de p + q + r = 1
Então: 0,4 + q + 0,5 = 1
q = 0,1  = f(IB)

De posse das frequências alélicas, é possível calcular as frequências dos genótipos. Interessa-nos a frequência de IBIB; IBi e ii (que são os possíveis doadores para indivíduos do grupo B).

f( IBIB ) = q2   ;  f( IBIB ) = (0,1)2 = 0,01

f(IBi) = 2qr  ;   f(IBi) =2 (0,1)(0,5) = 0,10

f(ii) = r2 = 0,25

Total: 0,25 + 0,10 + 0,01 = 0,36 = 36%

Resp.: D

03) Com a fragmentação de habitats (principal causa da extinção de espécies atualmente), os indivíduos que permanecem naquele pequeno ambiente passam a cruzar exclusivamente entre eles (endocruzamentos), o que favorece a redução da variabilidade genética e ainda aumenta a chance de genes com efeitos indesejáveis terem a frequência elevada na população. A mitigação desse problema pode acontecer com a construção dos corredores ecológicos, que promovem a união das “ilhas” povoadas, favorecendo o fluxo gênico entre os indivíduos.
Resp.: C

04) A utilização desse óleo descoberto no pré-sal provocará uma alteração no ciclo do carbono. Pensando na queima desse combustível, contribuirá para aumento da concentração de CO2 na atmosfera (um dos gases relacionados com o aquecimento global).
Durante a extração, poderá haver liberação de matéria orgânica presente nas profundezas do oceano (liberação de cadeias carbônicas aprisionadas abaixo dos sedimentos).
Resp.: D

05) Na situação indicada por D1 as duas subpopulações mantiveram-se separadas, não havendo fluxo gênico entre elas. Diz-se, então, que essas populações estão isoladas reprodutivamente e constituem espécies diferentes.
Resp.: C

VEJA TAMBÉM:
Enem 2020 – Questões de Biologia – parte 2
Enem 2020 – Questões de Biologia – parte 3

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *