Resolução da prova de biologia do vestibular 2018 da FTT

FTT 2018: confira resolução.

01)  O cozimento de um ovo de galinha, para o consumo como alimento, acarreta mudanças no estado físico de seus componentes e elimina eventuais bactérias patogênicas, tais como as pertencentes ao gênero Salmonella, responsáveis por infecções alimentares.
A mudança no estado físico da clara do ovo e a eliminação de bactérias patogênicas durante o cozimento do ovo de galinha estão relacionadas
A) à ativação de enzimas digestivas presentes na clara do ovo e no citoplasma das bactérias.
B) à desnaturação das proteínas presentes na clara do ovo e nos envoltórios celulares das bactérias.
C) ao aumento do metabolismo das organelas celulares presentes na clara do ovo e nas bactérias.
D) à inativação genética da síntese proteica na clara do ovo e no citoplasma das bactérias.
E) aos processos de trocas de substâncias através das membranas celulares da clara do ovo e das bactérias.

02) Considerando que a ploidia normal das células somáticas de um ser humano é 2n = 46, é correto afirmar que os núcleos de uma espermátide e de uma célula muscular contêm, respectivamente:
A) 23 e 23 moléculas de DNA, sendo cada uma constituída por uma fita helicoidal de nucleotídeos.
B) 46 e 92 moléculas de DNA, sendo cada uma constituída por duas fitas helicoidais de nucleotídeos.
C) 23 e 46 moléculas de DNA, sendo cada uma constituída por duas fitas helicoidais de nucleotídeos.
D) 23 e 92 moléculas de DNA, sendo cada uma constituída por uma fita helicoidal de nucleotídeos.
E) 46 e 46 moléculas de DNA, sendo cada uma constituída por duas fitas helicoidais de nucleotídeos.

03) O mecanismo de transporte de seiva bruta nos vegetais de grande porte depende, em menor escala, da capilaridade que existe nos vasos xilemáticos e da pressão promovida pela raiz durante a absorção de água e nutrientes do solo. Porém, a principal força responsável pela ascensão da água até a copa das árvores é decorrente
A) da difusão facilitada que ocorre nas células estomáticas durante seu processo de fechamento do ostíolo.
B) do bombeamento de íons potássio, com gasto de energia, para fora das células estomáticas.
C) da difusão simples de gás carbônico para dentro da câmara estomática quando existe luminosidade.
D) do metabolismo dos cloroplastos das células estomáticas, quando abastecidos de água, gás oxigênio e luz.
E) da perda de vapor d’água através do ostíolo quando o suprimento hídrico e luminoso é suficiente.

04) A figura ilustra o mecanismo endócrino de retroalimentação (feedback).

Tal mecanismo ilustrado envolve
A) o hipotálamo, a hipófise e a tireoide na regulação de hormônios relacionados ao metabolismo energético.
B) o bulbo, a hipófise e as paratireoides na regulação de hormônios relacionados aos batimentos cardíacos.
C) o cerebelo, o bulbo e a medula na regulação de hormônios relacionados ao sistema nervoso autônomo.
D) o cerebelo, o hipotálamo e a medula na regulação de hormônios relacionados aos movimentos respiratórios.
E) o bulbo, a tireoide e as paratireoides na regulação de hormônios relacionados à absorção de íons cálcio

05) Teresa casou-se duas vezes, teve quatro filhos e jamais realizou qualquer transfusão sanguínea. O heredograma informa dois fenótipos de dois filhos de Teresa, com relação ao sistema Rh de tipagem sanguínea.

Sabendo que apenas Paulo, o quarto filho de Teresa, apresentou eritroblastose fetal, é correto afirmar que
A) Pedro é homozigoto recessivo para o sistema Rh.
B) a sensibilização de Teresa ocorreu no casamento com João.
C) Teresa é heterozigota para o sistema Rh.
D) a sensibilização de Teresa ocorreu na gestação de Fernanda.
E) Paulo é homozigoto dominante para o sistema Rh.

06) A fotografia mostra dois tipos (1 e 2) de líquens sobre uma mesma rocha.

As interações ecológicas existentes na imagem são:
A) inquilinismo de líquens sobre a rocha e cooperação entre as algas e os fungos.
B) sociedades de líquens de mesmo tipo e competição entre as algas e os fungos.
C) mutualismo entre as algas e os fungos e competição entre os líquens de tipos diferentes.
D) comensalismo entre as algas e os fungos e sociedades de líquens de mesmo tipo.
E) amensalismo entre os líquens de espécies diferentes e cooperação entre as algas e os fungos.

Resolução:
01) O aquecimento provoca a desnaturação de proteínas que compõem a clara do ovo, conferindo-o a consistência a consistência mais firme. Também as proteínas que formam a parede celular das bactérias sofrem desnaturação, ocasionando a morte desses micro-organismos.
Resp.: B

02) A espermátide é uma célula haploide com cromossomos simples; logo, em uma espermátide há 23 moléculas de DNA.
Já a célula muscular é uma célula diploide e possui, portanto, 46 moléculas de DNA.
Cada molécula de DNA é formada por 2 fitas polinucleotídicas antiparalelas, dispostas helicoidalmente em torno de um eixo imaginário.
Resp.: C

03) Conforme a teoria de Dixon, a ascensão de água pelos tubos do xilema depende da perda de água pelos estômatos, localizados na folha. Isso acontece sempre que há suprimento luminoso e, principalmente, suprimento hídrico no solo.
Resp.: E

04) A imagem mostra o envolvimento do hipotálamo (sinal – na parte superior da imagem), da hipófise (sinal + superior) e da tireoide (sinal + inferior), glândula envolvida com a produção de hormônios envolvidos no controle do metabolismo energético.
Resp.: A

05) Como Teresa teve um filho com eritroblastose fetal e nunca havia feito transfusão, deduz-se que Fernanda (1ª filha de Teresa) era Rh+ e foi a responsável pela sensibilização da mãe. Assim, quando Teresa estava grávida de Paulo, anticorpos anti-Rh passaram pela placenta, provocando a eritroblastose fetal.
Resp.: D

06) Na formação dos líquens ocorre uma relação de mutualismo entre uma alga e um fungo. Entre os líquens, na mesma rocha, ocorre uma competição (por espaço, por água, por nutrientes…).
Resp.: C

Veja também:
Resolução da prova do vestibular 2017-2 da UFU
Resolução da prova do vestibular 2017 da UERR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *