Prova comentada: Unievangélica 2017-2 medicina-parte 1

Prova comentada – Unievangélica medicina 2017-2

01) Analise o gráfico a seguir.
O gráfico expressa a frequência do alelo A em relação ao alelo B em uma dada população. Dessa forma, podemos concluir que
A) se a frequência do alelo A for igual a 0,8, em uma população de 20000 indivíduos, são esperados 6400 indivíduos AB.
B) se a frequência do alelo A for igual a 0,6, em uma população de 10000 indivíduos, são esperados 2400 indivíduos AB.
C) se a frequência do alelo A for igual a 0,3, teremos uma frequência genotípica de BB igual a 0,049.
D) se a frequência do alelo A for igual a 0,5, todas as frequências genotípicas para os alelos A e B serão iguais.

02)  Leia o texto a seguir.
Vila do Sossego
(Zé Ramalho)

Meu Treponema não é pallidum nem viscoso
Os meus gametas se agrupam no meu som
E as queribinas meninas rever
Um compromisso submisso, rebuliço no cortiço
Chame a Padre Ciço para me benzer
Ô,ô, ô, ô, com devoção.
Disponível em : <http://www.kboing.com.br/ze-ramalho/1-1015746/> .
Acesso em: 26 set. 2016.

O texto, que representa o recorte de uma música de Zé Ramalho, faz referência a um microrganismo.
Sobre esse microrganismo, marque a alternativa que exemplifica a doença que o mesmo pode ocasionar, bem como uma das formas de transmissão
A) Gonorreia – transmissão sexual
B) Doença de Chagas – transmissão pelas fezes de inseto do gênero Panstrongylus.
C) Sífilis – transmissão sexual.
D) Malária – transmissão pela picada de inseto do gênero Anopheles.

03)  O projeto Genoma Humano – PGH – foi um ambicioso projeto que teve início no ano de 1990, com o objetivo claro de sequenciar todo o genoma humano. O grupo PGH representou uma iniciativa do setor público, liderada pelo governo americano, que mais tarde passou a ter a concorrência de um grupo pertencente à inicativa privada, liderado pelo cientista Venter. Não só preocupados em definir as sequências gênicas do genoma humano, as pesquisas tiveram ambições importantes como mapear genes associados a doenças, permitir o desenvolvimento da farmacogenômica e proporcionar diagnósticos mais rápidos e de forma mais clara para diversas doenças genéticas, entre tantas outras aplicações. Um dado que chamou atenção foi termos um número de genes bem menor do que o esperado, para nossa complexidade genética.

Qual afirmativa melhor explica o fato de termos bilhões de sequências de nucleotídeos, porém, com um número de genes pouco maior que de animais inferiores que também tiveram seus genomas sequenciados?
A) O genoma humano apresenta genes com sequências nucleotídicas de exons muito maiores que aquelas vistas em animais inferiores, justificando assim seu genoma ser bem maior.
B) Apresentamos em nosso genoma muitas e longas sequências intergênicas e sequências intrônicas, proporcionando, dessa forma, um número bem mais expressivo de nucleotídeos quando comparado ao de animais inferiores.
C) O genoma humano apresenta, para a maior parte de suas informações genotípicas, dois ou mais genes, enquanto os animais inferiores apresentam apenas um gene para cada característica genética; logo, é razoável supor que tenhamos uma sequência nucleotídica muito maior.
D) Apresentamos um material genético diploide, enquanto animais inferiores são haploides; logo, o número de sequências nucleotídicas deve ser bem maior.

04) Leia o texto e analise o gráfico a seguir.
O sistema imunológico humano consiste em um conjunto de moléculas, células, tecidos e órgãos que atuam em conjunto nas defesas do organismo contra substâncias estranhas.

A) a resposta imunológica primária ocorre apenas quando somos expostos a antígenos inoculados em nosso organismo por vacina, e a resposta imunológica secundária envolve resposta imunológica a antígenos que entram em nosso organismo por outros mecanismos, como no caso de infecções.
B) anticorpos são importantes células de defesa do sistema imunológico, que apresentam alta especificidade contra os antígenos; sua maior concentração na resposta imunológica secundária está associada a uma maior produção celular quando somos expostos pela segunda vez ao mesmo antígeno.
C) a resposta imunológica primária produz menor concentração de anticorpos; porém, a especificidade pelo antígeno é sempre maior que os anticorpos produzidos na resposta imunológica secundária.
D) a resposta imunológica secundária sempre apresenta uma concentração maior de anticorpos que a resposta imunológica primária, pois existe um maior número de células de defesa proporcionado pelas células de memória que se desenvolveram anteriormente.

05) Leia o texto a seguir.
Lisossomos são organelas membranosas presentes em células eucariontes, que apresentam um interior rico em enzimas digestivas. Quando formadas, a estrutura recebe o nome de lisossomos primários e quando estão em atividade, recebem a denominação de lisossomos secundários. O processo de formação dos lisossomos envolve a síntese de suas enzimas e algumas transformações bioquímicas pelas quais estas mesmas enzimas devem passar.
As estruturas envolvidas com a síntese das enzimas lisossomais e as transformações bioquímicas dessas enzimas são, respectivamente:
A) Complexo de Golgi e retículo endoplasmático liso.
B) Retículo endoplasmático rugoso e complexo de Golgi.
C) Retículo endoplasmático rugoso e retículo endoplasmático liso.
D) Retículo endoplasmático rugoso e peroxissoma.

Resolução:
01) Como a população está em equilíbrio de Hardy-Weinberg, pode-se admitir que f(A) = p e f(B) = q, onde p+ q = 1.
Se p = 0,8 , tem-se que q=0,2
f(AB) = 2.p.q.
f(AB) = 2. 0,8. 0,2
f(AB) = 0,32
Para uma população de 20.000 habitantes, o número de esperado de indivíduos AB = 0,32 x 20.000 = 6400
Resp.: A

02) Treponema pallidum é o nome da espécie de bactéria causadora da sífilis, uma doença sexualmente transmissível.
Resp.: C

03) Uma possível explicação para o fato de termos bilhões de sequências nucleotídicas e um número reduzido de genes é a ocorrência de extensas sequências nucleotídicas entre os genes e também muitas sequências de íntrons, que são áreas não codificadoras existentes em um gene, e que no processo de transcrição acabam sendo removidas (processo conhecido como splicing).
Resp.: B

04) Após um primeiro contato com certo antígeno nosso organismo produz anticorpos específicos para neutralizá-los. Os anticorpos são proteínas do grupo das imunoglobulinas. Após essa primeira produção de anticorpos, linfócitos B que os produziram sofrem sucessivas divisões celulares aumentando em número, constituindo as células de memória. Graças a elas, a produção de anticorpos quando o antígeno retornar é muito maior e em menor espaço de tempo.
Resp.: D

05) A síntese da cadeia polipeptídica (proteína = enzima) ocorre no retículo endoplasmático rugoso e as transformações bioquímicas que a enzima sofre ocorrem no complexo golgiense.
Resp.: B

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *