Questão resolvida sobre plantas de mangue, da Unit Sergipe

(Unit-SE/2018) Existem três principais espécies de mangues: mangue vermelho (Rhizophora mangle), mangue preto (Avicennia schaueriana) e mangue branco (Laguncularia racemosa).
Em relação a essas espécies de mangue e seus principais representantes, pode ser afirmado que
A) suas espécies de vegetais apresentam um grande aporte de oxigênio para suas raízes.
B) apresentam, invariavelmente, família, ordem, classe e filo também distintos, por serem de espécies distintas.
C) a eliminação do excesso de sais das árvores desse ecossistema ocorre por glândulas foliares específicas, classificando-as como halófitas.
D) são associados a fungos que viabilizam a fixação do nitrogênio, potencializando sua grande produtividade proteica.
E) suas sementes são desprovidas de reserva energética, pois são germinadas em locais de grande teor de matéria orgânica.

RESOLUÇÃO:
As espécies supracitadas são plantas halófitas, isto é, que se desenvolvem em ambiente salino. As plantas de mangue possuem pneumatóforos, raízes modificadas (com geotropismo negativo) responsáveis pelo suprimento do teor de oxigênio às raízes que se encontram fixas no solo lodoso e baixo teor de O2.
Outra importante adaptação dessas plantas é a presença de glândulas secretoras de sal, presentes nas folhas.
Glândulas de sal, são tricomas presentes em folhas de plantas que ocupam ambiente salino. Tais estruturas evitam um nível nocivo de acúmulo de íons minerais nos tecidos de algumas espécies de halófitas, que se desenvolvem em manguezais, secretando o excesso de sal na forma de soluções salinas (CASTRO & MACHADO, 2003).
Resp.: C

VEJA TAMBÉM:
Enem 2016 resolvido – parte 1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *