Albert Einstein 2016-2

Confira prova da Faculdade Albert Einstein 2016-2

01) A tira de quadrinhos abaixo mostra, de maneira espirituosa, o aumento de acuidade auditiva em uma das duas figuras que ali aparecem. Em seguida, há uma descrição de passos hipotéticos, enumerados de 1 a 3, que tentam explicar a evolução do comprimento das orelhas em coelhos.

  1. Em algum ponto no passado, os coelhos possuíam orelhas relativamente curtas. Como a sua sobrevivência dependia fortemente da sua capacidade de ouvir um predador que se aproximava, eles distendiam suas orelhas continuamente a fim de ouvir com o máximo de eficiência.
  2. A contínua distensão das orelhas afetou as células reprodutivas, com o resultado de que os coelhos vieram gradualmente a ter orelhas mais longas. Esses coelhos, por sua vez, distenderam suas orelhas e passaram o aumento para seus descendentes.
  3. Eventualmente, um ponto foi atingido no qual o comprimento da orelha era suficiente para possibilitar aos coelhos sobreviverem sem distensão ulterior. Nesse ponto, o comprimento das orelhas estabilizou-se.
    Buffaloe, N. D. Diversidade de plantas e animais. São Paulo. Edgar Blücher, p. 20.

A descrição em questão está em DESACORDO com
A) a lei do uso o do desuso e a herança dos caracteres adquiridos, relativos à teoria proposta por Lamarck.
B) a lei do uso e do desuso e a herança dos caracteres adquiridos, relativos à teoria proposta por Darwin.
C) o conceito de seleção natural, relativo à teoria proposta por Lamarck.
D) o conceito de seleção natural, relativo à teoria proposta por Darwin.

02) Considere dois pares de genes com segregação independente em uma angiosperma que tem autopolinização, e cujas flores têm apenas um ovário, no qual se aloja um único óvulo. Suponha que as células diploides da flor de um exemplar dessa espécie apresentassem genótipo AaBb , e que a partir dela tenham se originado componentes com determinadas constituições genéticas , que se encontram na tabela abaixo.
Esses dados permitem concluir que
A) os esporos femininos desse exemplar, produzidos por mitose, tinham constituição AB ou ab.
B) os esporos femininos desse exemplar, produzidos por meiose, tinham constituição Ab ou aB.
C) os núcleos espermáticos desse exemplar, produzidos por mitose e presentes no tubo polínico, tinham constituição ab.
D) os núcleos espermáticos desse exemplar, produzidos por meiose e presentes no tubo polínico, tinham constituição Ab.

03) Certas doenças observadas em nossa espécie podem ser devidas a alterações em genes mitocondriais, que são transmitidos de uma geração a outra
A) exclusivamente pelo espermatozoide, cujas mitocôndrias, além de responsáveis pelo fornecimento de energia para o batimento do flagelo, entram no óvulo durante a fecundação.
B) exclusivamente pelo óvulo, cujas mitocôndrias, além de responsáveis pelo fornecimento de energia para a realização das atividades desta célula, apresentam genes que são transferidos para os blastômeros no desenvolvimento embrionário.
C) pelos gametas feminino e masculino, pois além de responsáveis pelo fornecimento de energia a essas células, apresentam DNA que é transferido para os blastômeros no desenvolvimento embrionário.
D) pelos gametas feminino e masculino, porém as células de um recém-nascido não apresentam DNA mitocondrial paterno, uma vez que este é destruído ao longo do desenvolvimento embrionário.

04)  Exames de urina ajudam a diagnosticar alguns problemas que ocorrem em nosso organismo.
Em um hospital, a análise da urina de um paciente adulto revelou o seguinte resultado para alguns de seus componentes:

O resultado da análise nos dá indício de que o paciente em  questão
A) apresenta absorção regular de aminoácidos e de glicídios no duodeno, e que uma vez no sangue circulante, estas substâncias são normalmente absorvidas pelas células.
B) não apresenta absorção regular de aminoácidos e de glicídios no duodeno, embora apresente níveis normais destas substâncias no sangue circulante.
C) apresenta níveis elevados de glicose no sangue, e parte dela não é reabsorvida pelos rins, sendo eliminada na urina.
D) é saudável, uma vez que esses resultados estão dentro dos valores de referência.

05) Analise o esquema abaixo, que se refere, de forma bem simplificada, ao processo de fotossíntese.

Suponha que uma cultura de algas verdes seja iluminada e receba gás carbônico com o isótopo C-14 e água com o isótopo O-18. Pode-se afirmar que
A) o gás carbônico participa das etapas A e B e prever que ocorra produção de glicose com o isótopo C-14 nas duas etapas.
B) o gás carbônico participa apenas da etapa A e prever que ocorra produção de glicose com o isótopo C-14 nesta etapa.
C) a água participa das etapas A e B e prever que ocorra liberação de oxigênio com o isótopo O-18 nas duas etapas.
D) a água participa apenas da etapa A e prever que ocorra liberação de oxigênio com o isótopo O-18 nesta etapa.

Resolução:
01) A questão traz a ideia de que o meio induz ao surgimento de novas características (ideia lamarquista da evolução), estando em desacordo com a ideia de seleção natural, proposta por Charles Darwin e Alfred Russel Wallace.
Resp.: D

02)
Observe que as células-mãe dos esporos masculinos tem constituição AaBb (são células haploides), e o gameta feminino (oosfera) tem constituição AB. Logo, os núcleos espermáticos (gametas masculinos) terão constituição ab, pois, após a fecundação originarão células diploides AaBb.
Resp.: C

03) Os genes mitocondriais de uma pessoa são de origem exclusivamente materna (via óvulos), pois, as mitocôndrias paternas são destruídas após a fecundação.
Resp.: B

04) Analisando-se a tabela constata-se que o paciente possui um elevado índice de glicose na urina, indicando que parte da urina que chega aos rins não é reabsorvida.
Resp.: C

05) Em A tem-se a fase clara da fotossíntese, onde ocorre a quebra da água pela luz (fotólise da água), com liberação do gás oxigênio para o meio. Em B tem-se a fase química (escura) da fotossíntese, onde ocorre a fixação do CO2 em matéria orgânica.
Resp.: D

Veja também:
Prova resolvida da Unievangélica, 2017-2

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *